Antiguidades, Velharias e Curiosidades

210818467 ou  964490038

Estrada Nacional 10, N.º 296, 2925-556 Brejos de Azeitão

Ínicio Acima Índice

Magazine III

Magazine I Magazine II Magazine III Magazine IV

O PINHO NO MOBILIÁRIO
Por José Marques

O pinho é um tipo de madeira mais fraca e mais leve proveniente das florestas da Europa e da América do Norte. É uma madeira muito utilizada na construção e no fabrico de móveis.

Em Inglaterra e em grande parte do Norte da Europa, o carvalho era a madeira principal. Nos países mais para sul usava-se a macieira, o cipreste e também a nogueira. A grande falta de madeiras mais nobres faziam com que se importassem o pinho para fazer o mobiliário.

Usado sobretudo para mobiliário rústico, o pinho era mais barato não só porque existia com mais abundância como também era mais fácil de trabalhar, podia ser cortado em longas e largas pranchas.

Os marceneiros nos séculos XVII e XVIII, começaram a usar o pinho para painéis traseiros e também como estruturas de móveis. Essas estruturas eram então folheadas com madeiras mais caras como o mogno ou a nogueira.

A grande quantidade de móveis em pinho eram feitos por carpinteiros que usavam também bons métodos de construção.

O mobiliário rústico feitos de pinho em Inglaterra, eram por vezes envernizados para parecerem de outras madeiras mais caras, entretanto no resto da Europa eram geralmente pintados, de cores lisas ou com motivos florais.

 
Topo

 

Para mais informações contactar antiguidades@jmarques.com

© 2004 José Marques Antiguidades. Todos os direitos reservados.